Sexta-feira, 18 de Setembro de 2009

A notícia é da edição de terça-feira, do El Mundo. As mulheres de Ciudad Juárez (em que Roberto Bolaño ser terá inspirado para a criação de Santa Teresa, o lugar de todos os crimes de 2666) pintam cruzes numa parede com fundo rosa. Estão revoltadas com a falta de medidas e de resultados em relação à criminalidade na povoação: «El problema más serio es que siguen existiendo mujeres y siguen desapareciendo mujeres, y continúa el crimen»

 

 

 


tags:

por 2666 às 00:36
link do post | comentar


Arquivo

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

tags

todas as tags

«Um livro contra o esquecimento que, nas suas qualidades e nas suas imperfeições, é uma profissão de fé no poder da literatura.» Bruno Vieira Amaral
Subscrever por RSS